relacionamento@youcare.com.br
Newsletter
Inscreva-se para Cadastros do Site
* = campo obrigatório

powered by MailChimp!
Blog

23 Jun, 2015

Como minimizar os efeitos nocivos do computador ao corpo?

Cada vez mais as pessoas passam grande parte do dia em frente às telas, seja ela do computador, notebook, tablet ou celular. Mas você sabe quais os danos que esses longos períodos podem causar ao seu corpo?

Dores no pescoço e na coluna, as lesões por esforço repetitivo, tendinite, bursite e inchaço nas pernas são apenas algumas delas.

É comum se curvar para ler as informações na tela, porem após um tempo os músculos tendem a ficar retraídos e duros, a curvatura da lombar fica mais plana e a curva das vértebras mais acentuadas. “O problema dos longos períodos que passamos no computador é que sobrecarregamos nossos músculos, nervos e tendões, podendo causar a sensação de queimação, dores e até mesmo inflamações”, explica o ortopedista e especialista em lesões no ombro, João Polydoro.

 

Como diminuir os efeitos dos longos períodos sentados

Trabalhar em frente ao computador é realidade de muitos e nesse caso não é possível diminuir o tempo de uso do equipamento, mas algumas atitudes ajudam a minimizar os danos causados.
• É recomendado parar 10 minutos a cada hora para alongar as mãos e o corpo.

• Caso a pessoa já tenha dor, a recomendação é utilizar gelo, órteses ou realizar uma automassagem. As bolinhas não são indicadas nesse caso, pois podem piorar a lesão.

• Utilizar cadeiras adequadas, com apoio para os braços e curvatura adequada para a coluna.

• Manter os pés apoiados no chão ou em descansos para os pés.

• Manter a tela na altura dos olhos, o teclado diretamente à frente e o mouse próximo ao teclado e na mesma altura.

De acordo com o ortopedista Gabriel Pecchia ao seguir essas precauções é possível minimizar os efeitos do uso exagerado do computador. “Ao seguir essas dicas o paciente diminui os danos ao seu corpo e caso já tenha alguma lesão é possível também diminuir as dores e o desconforto com essas medidas simples”, recomenda.

 

Visão

Segundo o site do Instituto Panamericano da Visão, o cansaço visual afeta principalmente aquelas pessoas que têm uma maior sensibilidade à luz. Mantendo os olhos fixos na tela do monitor por muito tempo, estes usuários podem apresentar irritação ocular e fotofobia.

Veja alguns sintomas frequentes e maneiras de minimizar esses efeitos:

• Os olhos podem ficar vermelhos, irritados, sensíveis à luz, e uma desconfortável sensação de areia nos olhos pode ser sentida. Estes sintomas decorrem, em geral, do tempo de exposição à tela do micro e a um piscar muitas vezes insuficiente.

• Fazer intervalos durante o trabalho e piscar com mais frequencia, são normas importantes a serem seguidas para alívio destes sintomas. Trabalhando em ambientes com ar condicionado, com baixa umidade, os olhos podem se ressecar com maior facilidade. O piscar frequente é indispensável para refazer a película de lágrima que banha e protege a superfície do olho. Em muitos casos pode ser necessário o uso de um colírio substituto da lágrima para aliviar estes sintomas.

• Usuários de lentes de contato, sempre que possível, devem dar preferência aos óculos quando estiverem usando o computador por longos períodos.

•  A dor de cabeça no trabalho tem como causa frequente uma dificuldade em manter os olhos  fixos e convergindo para a tela do computador. Definida como Insuficiencia de Convergência, esta é uma causa comum de cefaléia aos esforços visuais – leitura, TV, computador, etc. Uma consulta ao oftalmologista é necessária para seu diagnóstico. O tratamento consiste em exercícios que melhorem o desempenho dos músculos que movimentam os olhos: uma espécie de fisioterapia ocular.

• O embaçamento visual em geral decorre da existência de algum grau. Em outras palavras, são as pessoas que têm dificuldade para enxergar, tendo como causa um defeito de  visão- a miopia, a hipermetropia e o astigmatismo. Nestes casos, é necessário o uso de lentes corretoras (óculos, lentes de contato), para compensar a dificuldade visual. Em todos estes casos, o exame oftalmológico é necessário para diagnosticar e orientar o tratamento adequado.

 

Fonte: Consumidor Moderno

  • 23 Jun, 2015
  • 5 Tags
  • 0 Comentários
COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *