relacionamento@youcare.com.br
Newsletter
Inscreva-se para Cadastros do Site
* = campo obrigatório

powered by MailChimp!
Blog

21 Ago, 2017

GRANDES LÍDERES DA SAÚDE SE REÚNEM PARA DISCUTIR OS DESAFIOS DO SETOR

Pelo Segundo ano consecutivo, a ABRAMED, Associação Brasileira de Medicina Diagnóstica, reúne líderes da saúde e da área diagnóstica para discutir e compartilhar experiências sobre temas de alta relevância e impacto no setor.
Em 2017, os temas abordados serão: Sustentabilidade na Prescrição e Utilização de Exames Diagnósticos, Incorporação Tecnológica e Compliance. Todos eles serão discutidos junto com entidades representativas do mercado, convidados internacionais e instituições de medicina diagnóstica.

Além disso, será apresentado um panorama sobre as expectativas econômicas e políticas para 2018, pelos especialistas Carlos Sardenberg e Merval Pereira.

O blog You Care convidou a Presidente da ABRAMED, Claudia Cohn para falar um pouco sobre o evento que acontece na próxima sexta-feira (25), em São Paulo.

YC: O Congresso Internacional ABRAMED é uma excelente oportunidade para unir lideranças da saúde e discutir temas de alta relevância. Como o evento pretende contribuir para o desenvolvimento da medicina diagnóstica e o setor de modo geral?

Claudia Cohn: Primeiramente, gostaria de agradecer pelo apoio e prestígio que a You Care sempre nos oferece. Todo ano, reunimos todos os principais players do setor de medicina diagnóstica para ouvir, trazer e debater temas relevantes que hoje são importantes para todos da área de saúde. Hoje, não há condições de se discutir sobre o setor da saúde sem reunir quem se relaciona direta ou indiretamente com o tema.
Portanto, os temas regulatórios ou de sustentabilidade precisam apresentar todos os pontos de vista. Só assim as boas práticas e as relações se fortalecem para tentarmos, juntos, formas adequadas para o setor privado. O mundo precisa de iniciativa e prática, confiança e relações construtivas, e também de empreendedores e modelos a serem seguidos. Para o Congresso ABRAMED, escolhemos os principais temas que mais afetam a todos, como forma de viabilizar a disseminação de mais conhecimento e de reforçar as oportunidades.

YC: A Medicina Diagnóstica, assim como os demais prestadores tem como desafio implementar soluções que inibam as práticas anti-éticas e comprovem sua idoneidade perante seus clientes. Como a ABRAMED tem agido neste sentido?

Claudia Cohn: A ABRAMED deu um passo arrojado buscando mais do que um código de conduta. Revisões profundas sobre ética e boas práticas foram feitas com foco no benefício dos pacientes. Também estudamos as más práticas que traziam desconfiança entre os players, financiadores, médicos e outros stakeholders do setor. Tudo isso foi feito de forma madura e transparente, culminando com a publicação e divulgação do Código de Conduta junto com a ativação do canal de denúncia. Iniciando, assim, a regulação de práticas entre os associados que inclusive inspiram outros setores.

YC: Quais são os principais desafios da ABRAMED e seus associados? Quais as suas expectativas para os próximos anos?

Claudia Cohn: Realizamos um planejamento estratégico arrojado, que levará a nossa associação a tratar mais questões do setor de maneira mais abrangente.

Nosso maior desafio é manter e atrair novos associados que entendam os benefícios que ABRAMED está entregando, desde questões tributárias, regulatórias, de qualidade, como também trazendo maior representatividade e integração com todos os players do setor privado e com a sociedade como um todo

  • 21 Ago, 2017
  • 1 Tags
  • 0 Comentários

CATEGORIAS Sem categoria

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *